Você acredita que é totalmente possível conquistar uma mulher sem ter carro? Então cara… Sabe aquela história de que mulher não fica com homem que anda a pé ou que vai a locais por meio de transporte coletivo, seja por opção ou por falta de grana?

Pois isso não passa de um MITO!! Eu te garanto que é possível conquistar um mulherão mesmo que você não tenha um carro ou uma moto, que seja um cara assim comum, sem grana no bolso…

 

Aprenda a conquistar uma mulher sem ter carro na garagem

Um aluno meu estava em pânico quando veio conversar comigo há alguns dias. O motivo? Seu medo de levar um fora de uma gata bastante exigente, por quem ele estava interessado.

Como o cara não costumava andar de carro e queria marcar um encontro, o desespero tomou conta da mente dele, que já imaginou as piores situações possíveis quando ele contasse à garota que iria até o local do encontro por meio de ônibus.

Esse aluno chegou a me pedir meu carro emprestado, pois não queria passar vergonha caso quisesse dar carona à moça.

Eu logo cortei as asinhas dele e falei que emprestar poderia até funcionar uma ou outra vez, mas não era a solução, afinal de contas, nem sempre ele encontraria um chapa para dar uma mãozinha assim, né?

Pensando em ajudar meu brother, eu dei algumas dicas para que seus próximos encontros fossem um sucesso, pelo menos no quesito transporte.

Primeiramente, o cara deixou de acreditar naquele mito, que só servia para deixar homens mais inseguros.

Depois que meu aluno estava menos grilado em relação à possibilidade de levar um fora devido à forma como ele iria aos encontros, ele estava pronto para colocar em prática algumas recomendações básicas.

Se houver intenção de levar a gata para outro lugar após o encontro, como ir da balada para a sua casa, por exemplo, o mano tem que se preparar para agir com segurança na tomada de decisões.

Isso quer dizer que é necessário levar uma boa quantia de grana na carteira ou estar com os cartões de débito ou crédito em dia, caso seja preciso chamar um táxi.

No caso de encontros durante o dia, nada impede que o deslocamento ocorra a pé, desde que o trajeto seja curto e o caminho seja tranquilo, sem passar por ruas perigosas.

Outra opção é usar o transporte coletivo da cidade, que tende a ser mais barato que uma corrida de táxi, dependendo do percurso. Porém, nunca se deve impor o que a gata deve fazer.

O ideal é dar essas sugestões e prestar atenção na reação da mina, a fim de perceber se ela está disposta a caminhar ou a enfrentar ônibus cheio.

E o que fazer quando a gata vai ao lugar com carro e você não? Muitos homens se sentem intimidados diante dessa situação, mas o meu aluno desencanou após conversar comigo.

Quando ele descobriu que a garota tinha ido até o local de carro, ele não viu nada de mais nisso. Além disso, ela ofereceu carona a ele no fim do encontro.

Ele poderia ter negado e chamado um táxi, mas deixou o orgulho de lado e aceitou a carona, o que foi uma boa, uma vez que a carona serviu como mais uma forma de prolongar a saída, com outra chance de rolar uns beijos.

Quando a mulher é quem dá carona, não há razão para se sentir obrigado a compensá-la pela atitude. Nada de aceitar carona se for um caminho muito fora de mão para ela voltar sozinha depois.

No entanto, é aconselhável fazer um agrado para mostrar seu cavalheirismo e não deixar a impressão de que está se aproveitando da boa vontade da moça, caso você tope ser levado até sua casa pela gata.

E em vez de agradecer com dinheiro, o que pode ofender a mina, ofereça carícias ou pague um jantar no próximo encontro. Claro que ajudar com o combustível é sempre útil, mas oferecer dinheiro tende a acabar com o romantismo.

Sobre o Autor

Santo Papo

Criador do Santo Papo e da franquia de treinamentos Guerra da Sedução, Marcel Kume já ajudou dezenas de milhares de homens de todo o mundo a ter uma vida amorosa plena e feliz, atuando como Coach de Relacionamentos. Hoje conta com o maior canal do Youtube brasileiro com o tema conquista e sedução de mulheres e já conta com mais de 270 mil inscritos.