Você não vê a hora de pegar aquela gata de jeito e curtir ótimos momentos com a moça? Então, saber qual o momento certo de ficar com uma garota é essencial para você não perder uma oportunidade única.

Caso você tome uma iniciativa no momento errado, é possível assustar a gata, que pode não estar preparada para ficar contigo naquela hora, ou até desperdiçar a chance de ficar com a gata, que até pode estar de olho em você, mas há o risco de que esse interesse diminua ou acabe se você demorar para agir.

Um dos maiores problemas em relação ao momento ideal para ficar com alguém é a falta de uma fórmula mágica, que sirva para todos os tipos de situações.

Como cada pessoa age de maneira diferente e nem sempre ocorre uma sintonia bacana do jeito desejado, você pode meter os pés pelas mãos e passar vergonha em sua abordagem.

Porém, não entre em pânico, já que as minhas recomendações vão te ajudar, assim como já ajudarão muitos dos meus alunos e amigos.

Veja qual o momento certo de ficar com uma gata

1. Troca de olhares e linguagem corporal

Quando eu estava livre na pista, dançando com uma gata ou de olho em uma garota, eu ficava atento à troca de olhares sedutores e à linguagem corporal da moça.

Se esta ficava com o corpo virado para mim, mexia bastante os cabelos e dançava como se estivesse me conquistando, eu partia para o ataque e tentava beijá-la ao notar que havia mesmo uma atração recíproca.

2. Papo descontraído

Um bom papo breve e cheio de descontração pode ser o caminho para ficar com aquela garota que chamou a sua atenção.

Seja na balada, no barzinho, no cursinho, na faculdade ou em qualquer outro lugar onde role a paquera, basta começar a conversar com a gata para preparar o terreno para uma ficada que vai deixar a moça com vontade de mais.

Na minha vez de abordar uma mulher, eu começava falando a respeito de assuntos agradáveis, como hobbies, músicas, filmes, livros, animais de estimação, restaurantes, etc.

Assim que a gata demonstrasse abertura para um toque no braço, por exemplo, eu encaminhava o papo para coisas que ela teria dificuldade de resistir, como elogios de características aparentemente triviais, a fim de mostrar que eu estava realmente prestando atenção na gata, e não estava apenas de olho nos atributos físicos dela.

3. Conhecimento aprofundado

Dependendo do relacionamento que você estabeleceu com a mulher e conforme as suas intenções com ela, uma ficada só vai acontecer após várias conversas.

E não há problema algum nisso, pois ninguém é melhor ou pior por demorar um pouco até dar o primeiro beijo em uma garota.

Eu já estive numa situação semelhante, quando eu tinha intenção de ficar seriamente com uma gata que eu estava conhecendo pouco a pouco.

Assim sendo, foi necessário conversar bastante com ela, para conhecer melhor seus gostos, interesses e outras características. Após esse aprofundamento da relação, nós nos sentimos mais à vontade um com o outro, o que fez a ficada rolar naturalmente.

4. Mais intimidade

Depois de uma conversa mais picante, o sinal verde para ficar ou até algo mais está dado. Por conta disso, é indispensável levar em conta o nível de intimidade com a gata.

Por exemplo: eu já fiquei pela primeira vez com uma mulher depois de uma conversa bem apimentada, que serviu para quebrar o clima pré-ficada.

E aí, já se sente pronto para saber quando ficar com sua gata? Não se esqueça de evitar ser apressadinho, além de tomar cuidado para não ficar esperando até o trem passar, levando a oportunidade embora.

Sobre o Autor

Santo Papo

Criador do Santo Papo e da franquia de treinamentos Guerra da Sedução, Marcel Kume já ajudou dezenas de milhares de homens de todo o mundo a ter uma vida amorosa plena e feliz, atuando como Coach de Relacionamentos. Hoje conta com o maior canal do Youtube brasileiro com o tema conquista e sedução de mulheres e já conta com mais de 270 mil inscritos.