Você provavelmente passa mais tempo no trabalho do que em qualquer outro lugar certo?

Se sua empresa é como uma segunda casa, sem dúvida já deve ter rolado aquela paixonite pela colega gostosa do seu setor, ou aquela garota do outro departamento que volta e meia passa perto de você e deixa aquela tensão no ar.

O fato é: se você tem um emprego e passa boa parte do tempo no trabalho, hora ou outra vai rolar a oportunidade de investir numa paquera no trabalho.

E as técnicas são muitas! Depende do quanto você está afim de investir e do quanto a conquista vale para você.

O fundamental é estar atento para não faltar com a ética e não prejudicar seu emprego – ou até mesmo o da gata.

A seguir, elencamos algumas de nossas dicas preciosas para ajuda-lo a partir de uma boa paquera no trabalho para uma conquista arrasadora.

Depois de seguir nossas dicas, e tomando os devidos cuidados para evitar problemas no seu emprego, basta escolher seu alvo e partir para o ataque.

Quais os cuidados para manter a ética durante a paquera no trabalho

Suas investidas ao tentar conquistar aquela gata sua colega de trabalho devem levar em conta uma série de fatores, e isso inclui as normas da empresa.

Algumas empresas não permitem que funcionários estreitem relacionamentos, mas nem por isso a paquera está proibida.

O mais importante, independente do grau de controle das políticas da empresa, é manter o bom senso para não deixar a sedução atrapalhar o seu desempenho e o rendimento de outros funcionários.

Caso o seu posicionamento no emprego seja em um cargo superior ao da gata que deseja paquerar, nem pense em usar seu poder para favorecê-la no intuito de chamar sua atenção.

Esse tipo de atitude só irá demonstrar que você não tem o profissionalismo necessário para a sua posição no trabalho e acabará com sua credibilidade.

Em relação à abordagem, evite tentativas de aproximações mais íntimas no local de trabalho, desde em uma sala de escritório até no elevador ou outro local com menos movimentação.

Independentemente de haver sinais de que o que a garota sente por você é recíproco, não arrisque a sua credibilidade e nem o seu emprego cometendo gafes por causa de uma atração.

Uma boa forma de abordar uma mulher no trabalho é deixar bilhetes românticos sutis para ela.

O mesmo vale para interações virtuais, seja via e-mail ou a partir de mensagens em mídias sociais. Só não vale exagerar nas declarações e fazer a moça se sentir exposta.

Outra recomendação é ficar atento à sua produtividade, tendo em vista o fato de que a paquera pode interferir na realização de diversas funções.

Portanto, a conquista deve ocorrer somente em momentos livres, como intervalos ou após o expediente.

Ao conversar com a gata dentro do ambiente de trabalho, opte sempre pela discrição, não importa qual seja a reação dela diante das suas investidas.

Ou seja, nada de compartilhar a história com todos os seus colegas do setor – o resultado pode ser bem ruim para o seu lado.

Assim, quando ela responder às suas investidas e resolver te dar uma chance, evite exposições desnecessárias.

Nada de mensagens constrangedoras no celular ou qualquer outra manifestação em público.

Agora que você conferiu como chegar na colega do trabalho sem faltar com a ética e prejudicar sua imagem com os demais, conheça também outras técnicas de paquera infalíveis no nosso ebook gratuito Guerra da Sedução: Guia de Sobrevivência.

Você pode acessar todo o conteúdo digital para aprender os truques e táticas de sedução para aplicar nas mais diversas situações do dia a dia.

 

Sobre o Autor

Santo Papo

Criador do Projeto Santo Papo em 2008, Marcel Kume já ajudou dezenas de milhares de homens de todo o mundo a ter uma vida amorosa plena e feliz, atuando como Coach de Relacionamentos a mais de 10 anos. Hoje conta com o maior canal do Youtube brasileiro com o tema conquista e sedução de mulheres e já conta com mais de 750 mil inscritos.